Header Ads

Radialista Jota Ferreira foi morto por causa de briga de trânsito, diz delegado


Jota Ferreira
A polícia identificou o homem suspeito de assassinar a tiros o radialista Jota Ferreira, morto a tiros na última quarta-feira, dia 10, no bairro Manoel Floriano, no município de Olho d’ Água das Flores, Sertão de Alagoas.

Em entrevista à reportagem do CadaMinuto, o diretor da área 4, que cobre o Sertão de Alagoas, delegado Cícero Lima informou que Wellington Barbosa de Mello, teria se envolvido numa discussão de trânsito com o radialista quando efetuou os disparos.

O delegado informou ainda que o suspeito, já identificado por testemunhas estava foragido, mas deve se apresentar para prestar depoimento ao delegado Gilson Melo na delegacia de Olho D’Água das Flores, na próxima terça-feira, dia 23.

Lima informou ainda que o acusado de efetuar os disparos contra o radialista já tem passagem na polícia por tráfico de drogas.

O caso

O radialista Jota Ferreira, foi assassinado a tiros no início da noite da quarta-feira, 10, quando chegava em sua residência em Olho d’ Água das Flores, Sertão de Alagoas.

Jota Ferreira estava em seu sítio e foi surpreendido quando retornava para casa. O locutor foi alvejado dentro do próprio carro e morreu no local.

Jota Ferreira era muito conhecido na região do Sertão. Ele apresentava o programa dominical “Nos bares da vida”, numa emissora local.  

Por Cada Minuto

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.