Header Ads



Após aumento da vazão do Rio São Francisco, águas transbordam em Pão de Açúcar, Piranhas e Canindé de São Francisco

Imagem JC Gravações, cortesia para o Blog
Na tarde desta terça-feira, 22, as águas do Rio São Francisco que cortam os estados de Alagoas e Sergipe teve sua vazão aumentada pela Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf). 

A Usina Hidroelétrica de Xingó localizada na divisa de Alagoas e Sergipe teve sua vazão aumentada de  800 metros cúbicos por segundo para 1.300 m³/s, para evitar o avanço das manchas de óleo que atingiram a foz do rio, na divisa de Alagoas e Sergipe. Esta medida foi adotada pela Agência Nacional de Águas (ANA) na última sexta-feira, 11, após uma reunião extraordinária para debater os impactos  causados pelas manchas de óleo na  foz do São Francisco.

Segundo a ANA, as manchas de óleo que suja mais de 2 mil quilômetros de extensão do Nordeste brasileiro, chegou à foz do rio São Francisco, na divisa de Alagoas e Sergipe. Como a água do mar avança diversos quilômetros rio adentro em horários de baixa do rio, a ideia é liberar um maior volume de água da hidrelétrica para conter esse avanço.

Com a nova vazão, as águas avançaram  sobre as  areias  das  prainhas  de Pão de Açúcar, Piranhas e Canindé de São Francisco,  chegando até a algumas barracas instaladas nos locais.

Vale ressaltar, que com o aumento da vazão, banhistas devem redobrar a atenção para que acidentes como afogamentos não ocorram nestes municípios que recebem um fluxo intenso de moradores e turistas. 

Imagens;  JC Gravações, cortesia para o Blog




Por Redação Blog Adalberto Gomes Notícias

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.