Header Ads



Em Delmiro Gouveia, jovens são autuados em flagrante por roubo de celulares

Imagem Adalberto Gomes
O delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti, Regional de Delmiro Gouveia, autuou em flagrante, nesta quarta-feira (14),  os jovens Moisés Ferreira Diniz, de 20 anos, e Ricardo dos Santos Couto, 18. Eles foram presos em frente à Escola Virgília, na Rua Mascarenhas de Moraes, no bairro Campo Grande, naquela cidade do Sertão alagoano, acusado de roubar aparelhos celulares.

A prisão foi efetuada, após ação de policiais militares, que tomaram conhecimento de que os dois jovens eram acusados de colocar um revólver na cabeça de um rapaz, durante um assalto, na Rua Rio Branco, no Centro.

Ao observarem a viatura policial, os dois jovens, que estavam em uma moto Honda Pop 100, de cor preta e placa ORF-9896/AL, tentaram empreender fuga, mas foram interceptados.

Durante a abordagem foram encontrados com os suspeitos três aparelhos celulares, entre eles, estava o de uma das vítimas que chegou a reconhecer os criminosos.

Eles foram conduzidos para a Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP), interrogados pelo delegado Rodrigo Cavalcanti e autuados em flagrante por roubo qualificado.

Após a prisão de Moisés Diniz e Ricardo Couto, o delegado e equipes de policiais passaram o final da noite da quarta-feira e madrugada desta quinta-feira (15), realizando buscas para prender mais pessoas envolvidas na série de roubos de celulares na cidade de Delmiro Gouveia e região.

Durante as buscas, os policiais ocuparam o Conjunto Habitacional Sônia Coco, mais conhecido como ‘369 Casas’, no bairro Caraibeirinhas.

As equipes conseguiram localizar alguns suspeitos que foram mencionados por Moisés e Ricardo como participantes da quadrilha que vem aterrorizando a população de Delmiro Gouveia.

“Além desses dois, mas alguns suspeitos estão na delegacia para averiguação. É importante que a população que foi vítima de roubo de celular, procure a Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) para fazer o reconhecimento dos suspeitos através de fotos. Muitas pessoas têm medo de fazer o procedimento, mas quanto mais vítimas, mais tempo esses bandidos ficarão fora do convívio social”, destacou o delegado.

Ainda segundo o delegado, a moto utilizada por Moisés Diniz e Ricardo Couto – a Pop 100, de cor preta e placa ORF-9896/AL, tem as mesmas características da que foi utilizada em diversos outros assaltos registrados no município.

Por Ascom PC/AL

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.