Header Ads



Sesau apoia projeto de recuperação de nascentes em municípios alagoanos

Nascentes recuperadas asseguram água potável para sertanejosAscom Semarh
Tendo como norte os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) – coleção de 17 metas globais estabelecidas pela Assembleia Geral das Nações Unidas, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) firmou uma cooperação técnica para recuperar nascentes de água assoreadas ou degradadas em cinco municípios alagoanos. O convênio foi firmado com o projeto Renascendo, que faz parte do Programa Petrobras Socioambiental.
O trabalho de recuperação de nascentes está sendo realizado em Mata Grande, Canapi, Inhapi, Água Branca e Pariconha. Por meio da iniciativa, os moradores de diversas comunidades sertanejas têm a oportunidade de utilizar água tratada, isenta de bactérias, a exemplo dos coliformes fecais.
“A Petrobras, que é a financiadora do projeto, exigiu que o Renascendo fizesse o tratamento da água durante todo o processo de trabalho. A equipe está protegendo todas as nascentes desses municípios, para que a população tenha acesso a água potável”, salientou a gerente de vigilância em saúde ambiental, Elizabeth Rocha.
O método consiste em limpar o entorno da nascente manualmente, colocando-se pedras e, em seguida, instalando-se canos. A cabeceira é vedada com uma mistura feita de solo, cimento e água. As pedras têm a função de filtrar a água. Os canos, de várias espessuras, servem para permitir o escoamento. Em seguida, é feito o plantio de vegetação ciliar nativa, num raio de 50 metros em torno da nascente. A partir disso, o ponto é isolado para evitar a contaminação por produtos orgânicos ou animais.
De acordo com ela, é necessário considerar que a água potável é essencial para as diferentes formas de vida, inclusive para os moradores de municípios distantes da capital. “Nesse sentido, mais do que qualquer outra categoria, a água potável vinda das nascentes adquire um caráter de extrema importância, pois garante a qualidade de vida das famílias, já que um percentual elevado desses moradores reside no meio rural”, destacou Elizabeth Rocha.

Por Blog Adalberto Gomes Notícias com Agência Alagoas

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.