Header Ads


Morre alagoana submetida a transplante de coração após campanha nas redes


Ana Karolina está entubada na UTI do Hospital do Coração - Foto: Divulgação
A alagoana Ana Karolina Correia, 29, que ficou conhecida após uma campanha em busca de um coração compatível para ela, morreu nesta quinta-feira (28), cerca de um mês depois do transplante, ocorrido no dia 22 de janeiro. Ela estava internada na UTI de um hospital particular de Maceió.

Nesta quarta-feira (27), a prima de Karol, Alyne Gama, disse nas redes sociais que o estado de saúde da jovem era considerado gravíssimo. Hoje, ela confirmou à reportagem sobre o falecimento, em decorrência de múltiplas complicações.

Segundo os familiares, a alagoana já estava na fila de transplantes há um ano e dois meses quando, em janeiro deste ano, passou a ocupar uma das primeiras posições, o que ocorre quando o risco de morte se torna iminente.

Poucos dias após a campanha que viralizou nas redes sociais e repercutiu nos meios de comunicação, o novo coração finalmente chegou. Com os apelos, os parentes de Karol tentavam sensibilizar os familiares dos portadores dos corações viáveis sobre a importância da doação de órgãos.

A jovem sofria de miocardiopatia periparto, desde outubro de 2017. A doença, que ocorre no final da gestação, foi diagnosticada 48 horas após o parto de sua única filha, que tem pouco mais de um ano.

A família ainda não informou sobre o velório e o sepultamento.

Por Cada Minuto

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.