Header Ads

Ex-prefeita de Piranhas, Mellina Freitas é ré em ação penal da Justiça Federal

Passagem de Mellina Freitas pela Prefeitura de Piranhas é polêmica e repleta de denúncias - Foto: Divulgação
Cinco anos após ter deixado a administração da Prefeitura de Piranhas, a secretária estadual de Cultura, Mellina Freitas, passa à condição de ré em ação penal perante a Justiça Federal por crimes de improbidade administrativa durante sua gestão como prefeita. 

Trata-se de ação instaurada pelo Ministério Público Federal acerca de irregularidades na utilização de recursos repassados ao município pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa) que tramita na 11º Vara Federal, em Santana do Ipanema, onde ela também responde a ação civil pública por crimes de improbidade administrativa.

A ação tem também como réus a Santa Tereza Obras e Comércio Ltda-EPP, sua sócia-administrativa Adriana Soares da Costa, e o representante da empresa, João Batista Costa dos Santos. Junto com Mellina Freitas, eles são acusados de apropriação indevida de recursos públicos, um montante de R$ 125 mil repassados pela Funasa para a construção de módulos sanitários que não foram concretizados.

Por Jornal Extra

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.