Header Ads

Seprev realiza ações de prevenção às drogas em Dois Riachos

Equipes da Seprev distribuíram panfletos e cartazes em bares, restaurantes e estabelecimentos comerciais para informar informar sobre a proibição de venda de bebida alcoólica para menores de 18 anos
Equipes da Seprev distribuíram panfletos e cartazes em bares, restaurantes e estabelecimentos comerciais para informar informar sobre a proibição de venda de bebida alcoólica para menores de 18 anos Fotos: Ascom /Seprev
A Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) continua seu cronograma de disseminação e sensibilização sobre a importância da prevenção e do acolhimento voluntário para tratamento da dependência química. Nessa quarta-feira (20), foi a vez do município Dois Riachos receber as ações e atividades da pasta.

As equipes da Seprev percorreram as ruas do município e distribuíram panfletos e cartazes em bares, restaurantes e estabelecimentos comerciais, a fim de informar sobre a proibição de venda de bebida alcoólica para menores de 18 anos.

Ascom/Seprev

Durante o dia, as equipes também visitaram escolas para orientar professores e estudantes. Pela manhã, mais de 115 estudantes participaram da palestra na Escola Municipal São Sebastião. Já no período da tarde, foi a vez de 140 alunos receberem informações na Escola municipal Miguel Vieira de Morais.

A iniciativa visa disseminar o crime previsto na lei federal nº 13.106, de 17 de março de 2015, que pode ocasionar a pena de 2 a 4 anos de prisão e multa de R$ 3 mil a R$ 10 mil, além da interdição do estabelecimento, para aqueles que oferecem, vendem ou permitem o consumo de álcool por crianças e adolescentes.

Anjos da Paz

Além das ações de prevenção ao uso de álcool e outras drogas, as equipes de Anjos da Paz ainda levaram informações e sensibilizaram a população de Dois Riachos sobre a necessidade do acolhimento voluntário para tratamento da dependência química.

Ascom/Seprev
Formado por equipes de psicólogos e assistentes sociais, o Anjos da Paz auxilia na busca ativa e disseminação de informações para pessoas com dependência química. Eles integram a Rede Acolhe, que conta ainda com 37 comunidades acolhedoras espalhadas por todo o Estado.

 Por  Blog Adalberto Gomes Notícias com Agência Alagoas

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.