Header Ads

Pró-Estrada potencializa recuperação de mais de 250 quilômetros de estradas e vias em Alagoas

O Programa Pró-Estrada tem ofertado aos alagoanos melhores condições de tráfego nas rodovias e dentro das áreas urbanas
O Programa Pró-Estrada tem ofertado aos alagoanos melhores condições de tráfego nas rodovias e dentro das áreas urbanas Ascom
Próximo de completar um ano, o Pró-Estrada, programa que eleva o padrão das rodovias estaduais e vias urbanas dos municípios alagoanos, contabiliza 252,6 quilômetros de estradas e vias urbanas que estão em recuperação ou já foram recuperadas em todas as regiões do Estado. Os serviços consolidam uma nova perspectiva de infraestrutura rodoviária em Alagoas ao proporcionar mais segurança e agilidade no transporte de pessoas e produtos.

No Sertão alagoano, a economia local ganha força com quase 100 quilômetros de rodovias contempladas com o Pró-Estrada em onze municípios. São 54,1 quilômetros já recuperados e outros 43,5 quilômetros em andamento. Além das cidades beneficiadas diretamente com recuperação asfáltica e nova sinalização das principais estradas de acesso, toda a região é favorecida com o fortalecimento da integração regional.

Os serviços, tocados pela Secretaria de Estado de Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand) em conjunto com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), já foram concluídos em Minador do Negrão, Poço das Trincheiras, Maravilha, Ouro Branco, Santana do Ipanema, Água Branca, Major Isidoro e Mata Grande. Já nos municípios de Cacimbinhas, Olho D’Água das Flores e Olivença, o programa está em andamento.


Na região vizinha, o Agreste alagoano, as obras contemplam recuperação asfáltica de rodovias e trechos de vias urbanas, favorecendo tanto a mobilidade dentro das cidades quanto a ligação entre os municípios. Em Igaci, o Governo do Estado reestruturou 3,94 quilômetros de ruas da cidade, além de outros 2,2 quilômetros em Arapiraca e 4,7 quilômetros em Teotônio Vilela.

Em Lagoa da Canoa, o Pró-Estrada recuperou 2,7 quilômetros no entroncamento com a rodovia AL-115, enquanto Jaramataia foi beneficiada com a reestruturação de 1,1 km de asfalto no trevo de acesso à cidade, no entroncamento com a rodovia AL-220. Os serviços também foram concluídos em Coité do Noia (6,4 km), Feira Grande (14 km), Batalha (16 km) e São Sebastião (3 km).

A rodovia AL-450, que liga Maribondo e Anadia, na região do Vale do Paraíba, teve 15,3 quilômetros recuperados pelo programa. Ampliando o alcance das melhorias da malha rodoviária estadual, os serviços contemplam também a região Metropolitana, com a reestruturação em andamento de 4 quilômetros da pista dupla da Avenida Cachoeira do Meirim, em Maceió, e a recuperação do acesso à cidade de Marechal Deodoro, com 9 quilômetros de extensão. Em Pilar, 2,2 quilômetros foram concluídos.

Para impulsionar o turismo e o escoamento da produção local, o Pró-Estrada tem beneficiado municípios da região Norte do estado, como Joaquim Gomes, Campestre, Flexeiras, São Luís do Quitunde e Matriz do Camaragibe. Somente nestes dois últimos, o Estado está iniciando a recuperação de 28 quilômetros de ligação, por meio da AL-105. O Sul de Alagoas também tem obra em andamento em Igreja Nova, com a recuperação de 20 quilômetros da AL-225, além de 7,9 quilômetros de vias urbanas reestruturadas em Penedo, esta já concluída.

No Vale do Mundaú, a população do povoado Rocha Cavalcante, em União dos Palmares, está prestes a receber a recuperação da estrada de acesso. Já as cidades de Ibateguara, Murici e Colônia Leopoldina receberam melhorias nas vias urbanas.

O secretário de Estado de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, avalia como positiva a expansão do Pró-Estrada em Alagoas em menos de um ano de atuação.

“Temos nos esforçado para fazer com que o programa alcance todas as regiões do estado, beneficiando o maior número de alagoanos com melhores condições de tráfego nas rodovias e dentro das áreas urbanas. O governador Renan Filho acredita bastante no poder de transformação do Pró-Estrada na vida das pessoas, e vai continuar expandindo o programa para atingir cada vez mais municípios”, considera.

Por  Blog Adalberto Gomes Noticias com Agência Alagoas

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.