Header Ads

Em Pão de Açúcar, Museu dedicado à arte popular foi inaugurado na Ilha do Ferro nesta quinta-feira (15)

Museu será dedicado à obra de mestre Fernando e ao legado que o artesão deixou no povoado
Museu será dedicado à obra de mestre Fernando e ao legado que o artesão deixou no povoado
Passear pela Ilha do Ferro é respirar arte popular. Às margens do Rio São Francisco, o povoado do município de Pão de Açúcar tem a maior concentração de artesãos por metro quadrado de Alagoas. O lugar vai ganhar nesta quinta-feira (15), o Espaço de Memória Fernando Rodrigues dos Santos. A solenidade contará com a presença do governador Renan Filho e do secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima.

O museu será dedicado à obra de mestre Fernando e ao legado que o artesão deixou no povoado. Organizado pela museóloga Carmem Lúcia e pelo arquiteto Rafael Brandão, o acervo teve curadoria de Paulo Gomes.

Pioneiro nessa produção, mestre Fernando Rodrigues deixou um legado com nomes fortes de talento e criatividade, inspirado nas paisagens e características locais que se concentram nas mãos e no imaginário dos artistas que produzem esculturas a base de madeira.

Alagoas Feita à Mão

O último levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelou que mais de 8,5 milhões de pessoas trabalham com o artesanato no Brasil. Juntos, estes empreendedores movimentam mais de R$ 50 bilhões por ano.

 Em Alagoas, atualmente, 13.300 pessoas registradas no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (Sicab) e 60% destes artesãos vivem somente da produção artesanal. O Sicab faz parte do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), um programa do Governo Federal que integra o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) e que, em Alagoas, é coordenado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur).


Para promover a atividade e facilitar a ponte entre artesãos e lojistas, além do apoio aos artesãos na participação em feiras e eventos, a Sedetur tem implementado diversas ações. Para subsidiar a comercialização da produção artesanal, a Secretaria lançou o Catálogo do Artesanato Alagoano, uma compilação de todas as tipologias artesanais do Estado, com informações sobre os mestres artesãos que são patrimônio vivo de Alagoas.

Além disso, foram instaladas placas do projeto Alagoas Feita à Mão nas casas-ateliê de artesãos em diversos municípios alagoanos, a exemplo de Boca da Mata e do povoado da Ilhado Ferro, em Pão de Açúcar. As placas identificam, agregam valor e deixam os locais marcados para o turista que passa pela região.

O Catálogo do artesanato está disponível no site da Sedetur: www.sedetur.al.gov.

Por Blog Adalberto Gomes Noticias com Agência Alagoas

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.