Header Ads

Plataforma disponibiliza dados sobre reservatórios de água do semiárido de Alagoas


Plataforma mostra situação dos reservatórios do semiárido alagoano (Foto: Reprodução / INSA)
Pesquisadores do Instituto Nacional do Semiárido (Insa), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), desenvolveram uma plataforma para monitorar e compartilhar gratuitamente informações sobre a situação dos reservatórios de água no semiárido brasileiro. A ‘Olho N’Água’ monitora 452 reservatórios no semiárido, sendo que 21 deles estão localizados no estado de Alagoas.

Segundo a hidróloga do Insa, Tereza Helena, os dados disponibilizados na plataforma, que pode ser acessada por qualquer pessoa, são atualizados diariamente ou mensalmente com informações fornecidas pela Agência Nacional de Água (ANA) e as secretarias estaduais de recursos hídricos.

“O objetivo da ‘Olho N’Água’ é disponibilizar informação rápida e fácil ao público em geral sobre a situação dos reservatórios (açudes) para que as pessoas possam usar esses dados em ações de planejamento na utilização dos recursos hídricos ou possam cobrar dos gestores públicos estratégias para amenizar a falta de água em determinadas localidades”, explica Tereza.

Ao fazer uso da plataforma, que pode ser acessada pelo computador ou telefone celular, o interessado tem acesso direto aos dados sobre a capacidade e o volume atual de água de cada reservatório. Além de dados geográficos e o histórico do reservatório. No entanto, o sistema considera desatualizado ou ‘sem informação’ o reservatório que fica mais de 90 dias sem monitoramento.

Semiárido alagoano

De acordo com a plataforma o somatório dos reservatórios localizados no estado de Alagoas está com menos de 50% da capacidade de armazenamento de água. No entanto, 10 reservatórios, dos 21 monitorados no estado estão com as informações desatualizadas.

Em Alagoas estão sendo monitorados reservatórios nos municípios de Pariconha, Delmiro Gouveia, Maravilha, Poços das Trincheiras, Santana do Ipanema, Dois Riachos e Cacimbinhas.

Além de açudes que ficam nos municípios de São José da Tapera, Olho D’Água das Flores, Jacaré dos Homens, Jaramataia, Major Isidoro, Craíbas, Palmeira dos Índios, Igaci, Arapiraca, Girau do Ponciano e Campo Grande.

Por G1

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.