Header Ads

PF cumpre mandado em apartamento do deputado estadual Inácio Loiola

Foto: Ascom/ALE
Com determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), a Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (28) uma operação que tem como alvo pessoas ligadas ao senador Renan Calheiros. Um dos mandados foi cumprido no apartamento do deputado estadual Inácio Loyola Brandão, irmão do ex-presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, Washignton Luis.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo ministro Edson Fachin, com base dos depoimentos prestados por Sérgio Machado, ex-diretor da Transpetro, e mais dois executivos. Segundo informou a Polícia Federal em Alagoas, em Maceió os policiais cumpriram dois mandados de busca e apreensão em dois endereços. Os alvos e os materiais apreendidos não foram revelados.

Essa fase da operação – que integra os trabalhos da Operação Lava Jato – foi denominada de Satélite II. A informação apurada é que um dos alvos foi um assessor jurídico de Renan, com mandado cumprido em Brasília. Mais dois mandados foram cumpridos em Maceió. O senador ainda não se posicionou sobre o assunto.

O deputado postou ontem em sua conta no Instagram, uma mensagem na qual apoiava a greve geral contra a Reforma da Previdência.

Por Cada Minuto

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.