Header Ads

Pipeiros bloqueiam nesta segunda-feira (06), manancial de água, no Canal do Sertão no município de Pariconha

               Atraso de quatro meses no pagamento é o motivo do protesto
Imagem ilustrativa
O abastecimento de água dos municípios do alto Sertão será interrompida a partir desta segunda-feira (06), às 5 horas,  com o bloqueio do manancial de água, no Canal do Sertão no município de Pariconha, pelos pipeiros que vão colocar os veículos impedindo o acesso. Segundo eles os que os atrasos nos pagamentos chegam até quatro meses, por parte do Governo Federal, o que tem impossibilitado de saldarem os compromissos de manutenção dos veículos como combustível e motoristas.

Segundo os representantes dos pipeiros, toda semana os militares do exercito, responsáveis pela Operação Carro Pipa em Alagoas, prometem que o pagamento vai sair remediando o problema, mas a promessa não se concretiza, fato que está até mesmo desacreditando o exercito, que não teria culpa, já que não força política de pressionar o Governo Federal a repassar os recursos para o pagamento. 

O bloqueio do manancial de Pariconha deixará a princípio dez municípios do alto Sertão sem abastecimento com carro pipa. Segundo os representantes dos pipeiros cerca de 60 mil pessoas ficaram sem água para suas necessidades de sobrevivência. Os municípios que ficaram sem carro pipas são: Delmiro Gouveia, Pariconha, Água Branca, Ihapi, Canapi, Mata Grande, Olho D´Água do Casado, Maravilha e Ouro Branco.

Os pipeiros disseram ainda está semana também serão bloqueados os mananciais de abastecimento do Agreste, localizado no distrito de Pé Leve em Limoeiro de Anadia e em Pão de Açúcar, atingindo assim os 45 municípios, que estão em situação de emergência devido à seca.  Com o bloqueio desse outros dois pontos de abastecimento, cerca de 500 mil pessoas ficaram sem ter como sobrevive sem água a estiagem em Alagoas.

Por Mozart Luna

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.