Header Ads

Municípios do semiárido alagoano definem com Codevasf aplicação dos recursos de emendas ao OGU

Acesso a água e melhorias em infraestrutura são as prioridades que vêm sendo destacadas por gestores; investimentos previstos são de R$ 2,4 milhões
Imagem assessoria
O enfrentamento da crise hídrica e a melhoria da infraestrutura no semiárido alagoano serão alvo de investimentos de aproximadamente R$ 2,4 milhões que serão executados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Os recursos têm origem no Orçamento Geral da União (OGU), por indicação de emenda parlamentar.

Com o objetivo de definir projetos e ações a serem empreendidos com os recursos, representantes das prefeituras alagoanas de Palmeira dos Índios, Jacaré dos Homens e Água Branca estão participando de uma série de reuniões com o superintendente regional da Companhia em Alagoas, Antônio Nélson de Azevedo; a aquisição de máquinas e equipamentos e a implantação de infraestrutura são as propostas em destaque nas discussões.

“Hoje vivemos a maior crise hídrica de Palmeira dos Índios", observa o secretário municipal de Infraestrutura, João Lessa. "Por isso a ideia é que, em nosso município, os recursos possam ser aplicados na aquisição de implementos agrícolas e de carros-pipa para abastecimento de comunidades impactadas pela escassez de água", antecipa.

Já a Prefeitura Municipal de Água Branca deseja aplicação dos recursos na melhoria da infraestrutura urbana. “Enfrentamos uma grande dificuldade no município por conta do déficit em infraestrutura. Por isso, trouxemos para apresentar à Codevasf projetos de infraestrutura que contemplam a pavimentação da localidade Serra do Cavalo e do conjunto habitacional Ednaldo Gomes. O objetivo é promover melhor qualidade de vida e de tráfego aos moradores, melhorando os acessos”, explica o engenheiro civil Eduardo Feitosa, representante de Água Branca.

Para o representante da Prefeitura de Jacaré dos Homens, as principais demandas também são de infraestrutura. “Jacaré dos Homens é uma cidade pequena, com seis mil habitantes, mas temos somente duas áreas que não são pavimentadas, dois conjuntos habitacionais. Então viemos pedir que essas emendas parlamentares sejam investidas na pavimentação das áreas. Também pretendemos apresentar à Codevasf, em outra oportunidade, novas demandas como investimento para acesso à água por meio da construção de poços artesianos e de limpeza de barragens”, diz o secretário municipal de Infraestrutura do município, Valter Madeiro.

A emenda ao OGU que beneficia o semiárido alagoano por meio da Codevasf é de autoria do senador Benedito de Lira. Na avaliação do superintendente regional da Codevasf em Alagoas, Antônio Nélson de Azevedo, as emendas parlamentares são importantes instrumentos de desenvolvimento regional dos municípios da região do Vale do São Francisco. “A confiança depositada na Codevasf pelos parlamentares é fundamental para que possamos promover o verdadeiro desenvolvimento”, afirma.

Em recente reunião conduzida pelo superintendente regional e pelo assessor da Superintendência Regional da Codevasf em Alagoas Telmo Menezes ficou definido que a aplicação desses investimentos será realizada de forma direta pela Codevasf. Às prefeituras municipais caberá a elaboração dos projetos e a obtenção de licenciamento ambiental em caso de obras. Também participaram do encontro o gerente regional de Infraestrutura da Codevasf em Alagoas, Hugo Pedrosa, o subsecretário de Infraestrutura de Jacaré dos Homens, Djalma Silva, o auditor interno e assessor da prefeitura de Água Branca, Rui Lima Barbosa, e o vereador por Penedo Antônio Nélson Filho.

Por Ascom Codevasf

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.