Header Ads

“Uma morte estranha”, diz sobrinho de diretor teatral, vítima de afogamento no Rio São Francisco em Delmiro Gouveia

Glauber Teixeira
Gauber Teixeira foi encontrado morto na noite da última segunda-feira (28), no Rio São Francisco, próximo à cidade de Delmiro Gouveia, em Alagoas.  O corpo do diretor teatral foi identificado pelo sobrinho, Erisson Teixeira.

"Ele foi encontrado com blusa, de bermuda, com cinto e carteira no bolso. Achei muito estranho. A área em que ele foi encontrado também era de difícil acesso, com forte correnteza, e não era própria para banho", contou ao “Ego”.

O Tenente Coronel Fontes, da Polícia Militar de Delmiro Gouveia, afirmou à publicação que "o corpo foi encontrado boiando e em estado avançado de putrefação e só será possível saber a causa da morte após o laudo do IML."

Erisson ressaltou que Teixeira tinha 51 anos de idade  e disse que iria viajar para o Recife em 23 de novembro. Além disso, o diretor também enfrentava problemas pessoais nos últimos meses.

"Ele saiu na quarta-feira [dia falando que iria para o Recife]. A gente não sabe ainda se estava sozinho ou acompanhado. Andava meio depressivo ultimamente", afirmou.

Teixeira foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca, também em Alagoas, onde aguarda o exame da arcária dentária para ser liberado.

Após procedimento, o enterro deve acontecer ainda nesta quarta, em Maceió - cidade onde Glauber morava.

O local onde Glauber morreu fica a cerca de 300 km de Maceió, próximo da dívida com a Bahia. A morte do diretor aconteceu pouco mais de dois meses após o afogamento de Domingos Montagner também no Rio São Francisco, em Sergipe.

Carreira

Glauber Teixeira era formado na Universidade Federal do Rio de Janeiro, foi professor de teatro da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e dirigiu produções no estado.

Por Ego

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.