Header Ads



Alunas dos campi Ifal Coruripe, Maceió, Palmeira dos índios e Piranhas são selecionadas para participar de evento do Google

Imagem Assessoria
Quatro alunas do Instituto Federal de Alagoas (Ifal) irão participar da terceira edição do Mind The Gap Brasil, a ser realizado em Belo Horizonte entre os dias 31 de outubro e 1º de novembro. O evento é promovido pelo Google e tem o objetivo de estimular a participação feminina nas áreas de engenharia, tecnologias e informática.

Os organizadores buscavam perfis de meninas que representassem a maior diversidade possível, com alunas representando algum grupo minoritário, como Lara Fernanda Cavalcante, estudante do 2º ano do curso técnico de Informática, do Campus Palmeira dos Índios, que não só gosto da área de exatas, como é monitora disciplina de Matemática.

“Fiquei muito feliz em ter sido a aluna escolhida e com este reconhecimento do Instituto, pois é algo que vai acrescentar muito, já que eu pretendo fazer Ciência da Computação. Escolhi Informática porque é algo que sempre me identifiquei e com o passar do curso, aprendi a gostar ainda mais. O que mais me atrai, sem dúvidas, no mundo da computação, é a parte de programação”, conta Lara.

Viviane Nobre, aluna do 2º ano de Agroecologia, do Campus Piranhas, também teve a experiência de monitorIa, na disciplina de Informática. Ela disse que está ansiosa com a possibilidade de encontrar referências da plataforma Google, além de outras meninas, para trocar experiências.

"Acho [a iniciativa] de extrema importância, porque o objetivo é ter mais mulheres trabalhando com tecnologia. Quem é de interior, de pequenas cidades, tem mais dificuldade de acesso, não vemos muitas pessoas que trabalham com esse ramo. Vai ser um incentivo muito grande".

No Campus Coruripe, o interesse pelo evento foi grande, pois 19 alunas demonstram interesse em cursar engenharias em um nível superior e uma delas, Thayná Evelly, do 2° ano do curso Médio, Técnico, Integrado em Edificações, foi selecionada por apresentar as melhores notas nas disciplinas de Matemática, Português, Física e Química.

A representante de Coruripe é monitora voluntária de Matemática, no Programa Institucional de Extensão Proifal, que promove reforço nas disciplinas de Português e Matemática para alunos da pública municipal de ensino que querem ingressar no Ifal.

Do Campus Maceió, aluna do 2º ano do curso técnico de Informática para Internet, Emily Vitória de Jesus Rocha, disse que estava surpresa com o fato de ter sido selecionada.

“Fiz a inscrição com o incentivo do coordenador do curso de Informática, só mesmo para aumentar o número de mulheres participantes, já que havia poucas meninas inscritas. Mas eu nem esperava que seria selecionada. Só depois disso é que me dei conta da importância deste evento para aumentar a participação de meninas no mundo de T.I.”, explica a estudante.

Emily acredita que são iniciativas como esta, direcionadas para jovens estudantes, que quebram o paradigma da participação predominantemente masculina, no mundo das tecnologias. “As oportunidades estão aumentando, e é preciso que desde a fase escolar, inclusive nas escolas públicas, esta participação seja estimulada”, destaca.

Por Assessoria

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.