FIQUE EM CASA! QUARENTENA! ISOLAMENTO SOCIAL!

Prefeitura de Delmiro Gouveia proíbe fogueiras e venda de fogos de artifícios como medidas de enfrentamento à pandemia da Covid-19

Imagem Adalberto Gomes
Nesta quinta-feira, 11, a Prefeitura de Delmiro Gouveia, sertão de Alagoas, por meio de Decreto Municipal  de nº 029/2020, proibiu  a realização das festividades juninas no município como medidas de  enfrentamento à  pandemia da Covid-19 (Novo Coronavírus) 

Conforme o Decreto, estão proibido, acender fogueiras, comercializar fogos de artifícios  e qualquer outro tipo de objeto pirotécnico. Além disso, estão proibidas a utilização de materiais caseiros nas festividade juninas no município.  

Segundo o Decreto, as medidas visam diminuir as síndromes respiratórias, preservar a saúde pública e o meio ambiente enquanto durar a pandemia da Covid-19.  

As pessoas que descumprirem  as determinações, estarão sujeitas  às penalidades descritas no art. 5º, do Decreto Municipal nº 08/2020, de 24 de março de 2020.

Recomendação da AMA e do MPE/AL

A Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) e o Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL) já haviam  recomendado às 102 Prefeituras que em respeito à saúde da população, e, em cumprimento aos Decretos Estaduais e Municipais, abstenham-se de promover quaisquer festejos juninos em prevenção e enfrentamento à Pandemia do Novo Coronavírus em Alagoas.

Segundo a AMA,  especialistas da área de saúde informam que  a dificuldade respiratória provocada pela fumaça pode funcionar como uma porta de entrada para diversas infecções, como o coronavírus, que causa a Covid-19. Outro fator é que quem está se recuperando de Covid-19 não pode ter contato com a fumaça, pois tende agravar a doença.

As pessoas asmáticas estão sujeitas a necessitar de urgência hospitalar e, de acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), 61% do total de leitos para tratamento do novo coronavírus ocupados. Nos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), esse índice é maior, chegando a preocupantes 76% de ocupação em todo o estado.

“Sei que é a tradição do Nordeste, mas estamos pensando em vagas nos hospitais, que estão cada vez mais lotados. Todos os anos temos elevação de internação dos alérgicos ou por causa de acidentes de fogos. Com as fogueiras também surge o costume de reunir as pessoas e isso só aumenta nossa responsabilidade em fiscalizar as aglomerações”, destacou a presidente da AMA, Pauline Pereira.

Por Redação Blog Adalberto Gomes Notícias

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.