Header Ads

Governo de Alagoas garante ações para minimizar efeitos da greve de caminhoneiros no Estado

Governo participou hoje de reunião com todos os agentes envolvidos no acompanhamento e gestão da crise gerada pela greve dos caminhoneiros
O secretário de Integração Política e Social do Gabinete Civil do Estado, Adrualdo Catão, representou o governador Renan Filho durante encontro que reuniu diversos representantes do setor produtivo alagoano ocorrido nesta terça-feira (29), na sede do Ministério Público Estadual (MPE) com intuito de encontrar encaminhamentos que diminuam os efeitos da crise. 
  
“Alagoas está numa situação menos problemática em relação aos outros Estados do país. A razão disso é que, graças à ação do Governo de Alagoas, através da Secretaria de Segurança Pública, especialmente a Polícia Militar, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), conseguimos liberar vários acessos que estavam bloqueados, tudo isso sem o uso da força, através da  negociação”, informou Catão.
  
Três dos pontos desbloqueados foram o Porto de Maceió, a Avenida Fernandes Lima, esses em Maceió, e na rodovia de Palmeira dos Índios.
  
De acordo com o secretário, toda estrutura do Governo de Alagoas, por meio de suas secretarias, continua atenta a todo processo de negociação e prestando assistência aos municípios. 
  
O secretário-adjunto de Política da Secretaria de Segurança do Estado, Acácio Júnior, que também participou da reunião, disse que está sendo distribuído junto aos motoristas das distribuidoras de combustíveis uma logomarca com o slogan “Veículos com Carga Prioritária” da Defesa Civil Estadual para sensibilizar os caminhoneiros que ainda resistem ao desbloqueio.  
  
Segundo ele, outras ações de governo também foram postas em prática para evitar transtornos maiores. “O abastecimento de setores prioritários, como os hospitais, ambulâncias, a polícia e a garantia do transporte rodoviário urbano também tem mantido a normalidade. Não há desabastecimento nesses setores. Quanto ao gás de cozinha, a Defesa Civil do Estado também está atenta e com a situação sob controle e não temos problemas nessa área”, tranquilizou.    
  
Durante o encontro no MPE, o procurador-geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça, disse que a conversa representou o esforço da coletividade para que a população não sofra  mais com as consequências  da greve.

“Agradecemos a todos os atores envolvidos para diminuirmos ao máximo os efeitos desta greve e este exemplo foi dado hoje aqui com a contribuição do Poder Executivo e do setor produtivo alagoano”, disse Mendonça.   

Por  Blog Adalberto Gomes Notícias com Agência Alagoas

Nenhum comentário

Adalberto Gomes Noticias . Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.